Cidadeverde.com

PM de Paulistana captura foragido da Justiça carioca em barreira

Policiais militares de Paulistana, a 465 km de Teresina, prenderam Erimar Alves de Melo, de 31 anos, piauiense morador da favela da Rocinha, no Rio de Janeiro, que estava foragido desde janeiro de 2015, após ser acusado de homicídio na favela carioca. A operação foi encabeçada pelo capitão Estanislau Felipe, comandante da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar.

O acusado viajava em um ônibus da empresa Itapemirim fazia linha São Luís-Ma ao Rio de Janeiro-Rj, e, após consulta policial, foi verificada a existência de um Mandado em aberto. A prisão ocorreu por volta das 4h15 min desta sexta-feira (10) e no momento da abordagem, Erimar ainda tentou se justificar com os policiais afirmando que comenteu o crime para se defender de um inimigo, também da mesma favela. Ele afirmou que estava no Piauí para visitar os pais na cidade de Prata, e que estava retornando para o rio para "acertar as contas com a Justiça".

Somente na noite desta quinta-feira (10) foram consultadas nos bancos de dados do Conselho Nacional de Justiça 187 pessoas na referida operação policial. Foram  abordados seis ônibus, oito veículos de passeio e cinco motocicletas. As consultas acerca da existência ou não dos mandados em aberto são feitas através de um simples aplicativo de telefone celular e/ou consulta no site do CNJ na internet.

"Como já é de hábito em nossa Unidade PM, essas ações visam justamente propiciar um efeito preventivo dissuasório, a fim de que essa região não sirva de atrativo para a permanência e passagem desses indivíduos nocivos ao convívio social, e via de consequência, para que aqui não venham a praticar seus crimes", acrescentou o comandante.

Rayldo Pereira
[email protected]