Cidadeverde.com

MPT-PI realiza inspeções em Corrente nesta semana

Nos dias 14 e 15 de setembro, o Ministério Público do Trabalho no Piauí (MPT-PI) realizará uma série de inspeções na cidade de Corrente, a quase 900 quilômetros de Teresina, próxima à divisa com o estado da Bahia. As ações fazem parte do MPT Itinerante, projeto que leva procuradores do Trabalho a vários municípios do Estado nos quais já existem Varas do Trabalho, porém não há unidades do Ministério Público do Trabalho.

Nesta edição, as ações serão voltadas a inspeções de investigações em curso em Corrente e em municípios vizinhos. O procurador do Trabalho, Edno Carvalho Moura, explica que o foco do projeto é aproximar os trabalhadores piauienses dos seus direitos através de informação e cidadania.  “O MPT Itinerante tem o objetivo de dialogar com a sociedade, facilitando a coleta de denúncias e também abrindo novos processos investigatórios”.

Atualmente, as cidades de Teresina, Picos e Bom Jesus têm procuradorias do Trabalho instaladas, no entanto, o raio de abrangência dos municípios atendidos pelo MPT-PI é ampliado por conta do MPT Itinerante, que expandiu a atuação no interior do Piauí em 2017, contemplando duas novas microrregiões e beneficiando os municípios de Piripiri, Uruçuí, Valença e São Raimundo Nonato.

As procuradorias do Trabalho no Piauí estão presentes nas cidades de Teresina, Picos e Bom Jesus. Entretanto, as ações têm amplo raio de abrangência nos demais municípios pela atuação do MPT Itinerante. Em 2017, duas novas microrregiões foram contempladas com a inclusão dos municípios de Piripiri, Uruçuí, Valença e São Raimundo Nonato.

Em agosto, a cidade de Parnaíba e municípios próximos receberam as ações do MPT Itinerante. Na ocasião, além de instruir trabalhadores sobre os seus direitos, o MPT também flagrou trabalhadores em análoga à de escravo no povoado de Camurupim.

Fonte: Ascom