Cidadeverde.com

Fuga na Penitenciária Vereda Grande é abortada nesta segunda-feira

A Secretaria da Justiça informou na tarde desta segunda-feira (31) que uma tentativa de fuga foi abortada na Penitenciara Gonçalo de Castro Lima, a Vereda Grande, em Floriano, a 245 quilômetros de Teresina. De acordo com o gerente Delfran Rodrigues, um túnel estava sendo cavado na cela 16 do pavilhão C.

“Todos os dias evitamos fugas. Graças às informações repassadas pelos agentes e policiais militares que atuam conosco, temos conseguido evitar maiores problemas”, comentou o diretor de Inteligência e Proteção Externa (DIPE), tenente coronel Luís Antônio Pitombeira.
 
Ainda segundo o diretor da DIPE, o monitoramento nas unidades penitenciárias piauienses é feito todos os dias. Ele destacou a cooperação entre os agentes de justiça e de segurança com a Sejus no combate transtornos no sistema prisional.

“Essa ação demonstra que quando se mantém uma comunicação eficaz e se tem o apoio de todos aqueles que são comprometidos com a segurança, conseguimos evitar problemas piores. Estão todos de parabéns por mais essa ação eficaz”, diz Pitombeira.

Outra fuga

Mais cedo, a Secretaria de Justiça já havia confirmado uma tentativa de fuga frustrada na Penitenciária Irmão Guido, em Teresina, no domingo (30). Na oportunidade, três presos aproveitaram o momento de um culto que estava sendo realizado para escapar. Eles cavaram um buraco, quebraram cadeados de uma cela isolada, obtiveram acesso ao pátio e depois escalaram o muro com uma corda de lençóis.

Os presos foram identificados como: John Eduardo de Sousa Alves (sentenciado por formação de quadrilha e porte ilegal de armas), Heloilson Oliveira Dias, (sentenciado por porte ilegal de armas e roubo qualificado) e Antônio Fredison Pereira Passos (preso provisório). Nenhum deles foi recapturado até o momento.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Suspeito de matar irmãos em Floriano chega a Teresina e seguirá para presídio

  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde
  • Foto: Wilson Filho/Cidade Verde

Emanuel Ribeiro Soares, conhecido como Manuelzinho, chegou a Teresina às 16h desta segunda-feira (31). Ele foi preso em Nova Veneza (GO), no último dia 16, em cumprimento de mandado de prisão pela morte do jogador de futebol Edson Piauí e seu irmão, um policial militar, em novembro do ano passado. Ele seguirá até amanhã à penitenciária de Floriano, cidade onde ocorreu o crime. 

De acordo com o delegado Menandro Pedro da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre), o preso passará por exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML), na zona Sul de Teresina. Até amanhã ele seguirá para o presídio de Vereda Grande, em Floriano. 

A prisão do acusado aconteceu por meio de trabalho conjunto do Núcleo de Inteligência da SSP/PI, Núcleo de Inteligência de Goiás, Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes de Teresina (Depre) e Delegacia Regional de Floriano.

Segundo a polícia, o lateral esquerdo Edson Piauí, 27 anos, foi assassinado a tiros após uma discussão banal em uma churrascaria. As investigações apontaram que após a briga, o jogador de futebol foi embora procurar o irmão policial militar. Os dois buscaram o suspeito em um bar da cidade e foram recebidos a tiros. 

O jogador morreu na hora. O irmão foi socorrido, encaminhado ao Hospital Regional Tibério Nunes com perfurações de bala no pulmão, no intestino grosso, no intestino fino e no fígado, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no dia seguinte. Segundo Emanuel, Edson teria assediado sua esposa. 

 

Flash Christhian Sousa (TV Cidade Verde)
Redação Maria Romero
redacao@cidadeverde.com  

Suspeito de matar jogador e policial em Floriano chega hoje (31) a Teresina

Desembarca em Teresina às 16h desta segunda-feira (31) Emanuel Ribeiro Soares, conhecido como Manuelzinho. Contra ele havia sido expedido um mandado de prisão pela Justiça de Floriano em face de um duplo homicídio em novembro do ano passado, tendo como vítimas um Policial Militar e seu irmão.

A prisão ocorreu no final da tarde do último dia 16, na região metropolitana de Goiânia, precisamente na cidade de Nova Veneza (GO). 
A prisão do acusado se deu em um trabalho conjunto do Núcleo de Inteligência da SSP/PI, Núcleo de Inteligência de Goiás, Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes de Teresina (Depre) e Delegacia Regional de Floriano.

O acusado está sendo recambiado por uma equipe da Delegacia Especializada de Prevenção e Repressão a Entorpecentes do Piauí (DEPRE-PI), sob o comando do Delegado Menandro Pedro Lopes da Luz e Matheus Lima Zanatta.

Segundo a polícia, o lateral esquerdo Edson Piauí, 27 anos, foi assassinado a tiros após uma discussão banal em uma churrascaria de Floriano. As investigações apontaram que após a briga, o jogador de futebol foi embora procurar o irmão policial militar. Os dois foram atrás do suspeito em um bar da cidade e recebidos a tiros. 

O jogador morreu na hora. O irmão foi socorrido, encaminhado ao Hospital Regional Tibério Nunes com perfurações de bala no pulmão, no intestino grosso, no intestino fino e no fígado, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no dia seguinte. O caso ocorreu no mês de novembro de 2014. 

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Homem confessa ter matado jogador por assédio à sua esposa; veja vídeo

Emanuel Ribeiro Soares, suspeito de matar dois irmãos no município de Floriano em 1º de novembro do ano passado, foi preso no último domingo (16) e confessou em vídeo - gravado pela polícia - ter cometido o duplo homicídio. Ele disse que a discussão começou porque uma das vítimas assediou sua esposa.

Nas imagens, divulgadas pela polícia, o homem diz que discutiu com as duas vítimas e que então ocorreu “a desgraça”. O homem conta que um dos irmãos, o jogador de futebol Edson Piauí, 27 anos, assediou sua esposa em uma festa e que para evitar discussão deixou o local. 

Ainda nas imagens, o suspeito diz que teria seguido então para um restaurante próximo e que Edson também foi ao local. Lá, os dois discutiram. 

"Ele passou a mão no cabelo dela e eu saí pra evitar algo pior". Em outro trecho, ele diz: "Ele levantou e disse que ia na casa dele, aí ele voltou, me agrediu, agrediu a minha mulher e foi aí que aconteceu a desgraça. Foi um acidente, uma tragédia. Eu confesso, que no dia 1º de novembro, que teve essa desgraça", relata. 

Segundo a polícia, a vítima foi em busca do irmão, Eurival Araújo, que era cabo da Polícia Militar. Quando retornaram ao local, foram recebidos a tiros. O jogador morreu na hora. O irmão foi socorrido e encaminhado ao Hospital Regional Tibério Nunes, mas sofreu diversas perfurações. 

Emanuel foi preso em Nova Veneza, Região Metropolitana de Goiânia, no estado de Goiás. Ele foi preso em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pela justiça piauiense.

 

Maria Romero
redacao@cidadeverde.com 

Suspeito de matar jogador piauiense e cabo da PM é preso em Goiás

O homem suspeito de matar o jogador de futebol Edson Piauí e seu irmão, o cabo da Polícia Militar Eurival Araújo, na cidade de Floriano, foi preso em Nova Veneza, Região Metropolitana de Goiânia, no estado de Goiás. Ele foi capturado ontem (16), em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pela justiça piauiense.

O suspeito- identificado Emanuel Ribeiro Soares, conhecido como Manoelzinho- trabalhava como comerciante e deverá ser recambiado para o Piauí ainda nesta semana. 

O lateral esquerdo Edson Piauí, 27 anos, foi assassinado a tiros após uma discussão banal em uma churrascaria de Floriano. As investigações da Polícia Civil apontaram que após a briga, o jogador de futebol foi embora procurar o irmão policial militar. Os dois foram atrás do suspeito em um bar da cidade e recebidos a tiros. 

O jogador morreu na hora. O irmão foi socorrido, encaminhado ao Hospital Regional Tibério Nunes com perfurações de bala no pulmão, no intestino grosso, no intestino fino e no fígado, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no dia seguinte. O caso ocorreu no mês de novembro de 2014. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Homem é encontrado morto no açude Mário Bezerra, em Floriano

O corpo de um pescador de 42 anos, identificado como Alderico dos Reis Mendes, foi encontrado boiando nas águas do açude Mário Bezerra, em Floriano (245 Km de Teresina), na tarde de ontem (7). De acordo com a polícia militar do município, o caso será investigado.

O Corpo de Bombeiros foi acionado por populares, que localizaram o homem morto, e foi responsável pela retirada do corpo da água.

Em seguida as polícias militar e civil foram acionadas e o caso deve ser investigado. De acordo com a polícia, há a suspeita de que o corpo tenha sido jogado no rio depois de o homem ter sido morto.

O IML fará a verificação da causa da morte, se por afogamento ou não, para que a polícia dê início às investigações. 


Maria Romero
redacao@cidadeverde.com 

Hospital Regional de Floriano inaugura nova sala de parto normal

Para destinar um atendimento mais humanizado às mulheres e ao bebê, o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, entrega nesta sexta-feira, 07, uma nova sala para a realização de partos normais.

“Estamos viabilizando esse investimento com a perspectiva de melhorar o acesso e qualificar o atendimento no que diz respeito à assistência ao parto. Deste modo, estaremos oportunizando às mulheres, nesse momento tão importante da vida delas, um lugar mais próximo às suas residências, bem como garantir um atendimento imediato”, declarou o secretário da Saúde Francisco Costa.

Todo o atendimento será feito de acordo com a Classificação de Risco, desde o acolhimento até a saída da paciente. “Adequemos esta sala de acordo com as propostas da política de atenção integral à mulher, a Rede Cegonha. Visando também a redução dos partos cesarianos”, disse o diretor do hospital, Antônio Alves de Araújo.

A equipe conta com três enfermeiros obstetras e um médico por plantão.

Centros de Parto Normal

Para melhoria na Rede Cegonha, o Governo do Estado está investindo em mais de 13 milhões na rede hospitalar dos municípios de Amarante, Canto do Buriti, Esperantina, Floriano, Parnaíba, Picos, Oeiras e São Raimundo Nonato com reformas estruturais, ampliação de Centros de Parto Normal; Casas de Gestantes, Bebês e Puérperos; Unidades de Terapia Intensiva; Unidades de Cuidados Intermediários Neonatais, maternidades e ambulatórios. Os recursos aplicados são no total de R$13. 076.285,75, sendo R$7.239.381,98 provindos do Ministério da Saúde e R$5.836.903,77 do Tesouro Estadual.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Carro pega fogo com motorista dentro em bairro de Floriano

Um carro foi destruído pelo fogo no início da manhã desta segunda-feira (3) em Floriano, a 245 quilômetros de Teresina. O incidente aconteceu próximo ao cruzamento das avenidas Dirceu Arcoverde e Santos Dumont, nas imediações do bairro Irapuá. O incêndio começou quando o motorista do veículo ainda se encontrava no seu interior.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o proprietário do carro, identificado como Pedro Nunes da Fonseca, só deixou o carro quando foi alertado por pedestres sobre o fogo. "Era um Ford Corcel II de placa LWN 4627 e ano 1979. Ainda não sabemos o motivo do incêndio. Nem o próprio motorista tinha visto as chamas. Ele só se tocou quando as pessoas acenaram", contou o sargento José Wilson Vieira Ramos.

Depois do motorista deixar o carro, o fogo consumiu todo o veículo. Acionado, o Corpo de Bombeiros levou cerca de 25 minutos para apagar as chamas. "Quando chegamos ao local, o carro já estava todo em chamas. Fizemos o serviço de apagar o fogo e resfriar o local em 20 ou 25 minutos", comentou o sargento Ramos.

Além de ter destruído o Corcel, o fogo também assustou os moradores, que temiam uma tragédia maior caso as chamas chegassem a um posto de combustíveis próximo. O Corpo de Bombeiros, porém, tranquilizou a população. "Não houve risco algum de chegar ao posto porque não aconteceu nenhuma explosão", finalizou o sargento Ramos.

Flávio Meireles
flaviomeireles@cidadeverde.com

Agente penitenciário é atropelado e morre na PI-140; condutor fugiu

O agente penitenciário José Hélio Piauilino morreu ontem (30) em um acidente na PI-140, entre os municípios de Floriano e Itaueira, 245 Km de Teresina. Ele seguia em uma motocicleta e teria estacionado no acostamento quando um carro conduzido por Harley de Araújo, de 29 anos, colidiu com ele. Hélio morreu na hora.

De acordo com a polícia civil, o agente havia estacionado o veículo no canto da pista no momento em que ocorreu a colisão. O condutor prestava depoimento na manhã de hoje (31) na delegacia regional de Floriano e estava acompanhado de familiares. 

Segundo o tenente Hinelly Maia, do 3º BPM de Floriano, ainda não há detalhes sobre como o acidente teria ocorrido. Ele informou que o condutor abandonou o local sem prestar socorro à vítima.

"Ele não socorreu e foi detido no Maranhão e foi levado a prestar depoimento", informou.

O tenente destacou ainda que a vítima era bastante conhecida na região e se deslocava para o trabalho, na Penitenciária Vereda Grande, quando ocorreu o acidente. Hélio morreu ainda no local. 

 

Maria Romero
redacao@cidadeverde.com

Mulher é flagrada com fumo e maconha na vagina em penitenciária de Floriano

Uma mulher de 26 anos foi flagrada nesta sexta-feira (17) com fumo e cerca de 50 gramas de maconha escondidos na vagina na Penitenciária Vereda Grande, em Floriano, a 240 quilômetros de Teresina.

Identificada como Leudimar Nogueira Viana, a mulher foi detida e levada para a Delegacia Regional de Floriano, onde foi presa em flagrante. "Ela levava para o presídio um invólucro de quase 100 gramas na vagina. Dentro de uma camisinha, havia fumo. Mais internamente, havia cerca de 50 gramas de maconha prensada e embalada em papel filme", detalhou o delegado Walter Pereira da Cunha Júnior.

Segundo apurou o Serviço de Inteligência de Vereda Grande, Leudimar levaria a droga para o detento Wedson Celestino de Jesus. "Era a segunda vez que ela levava entorpecente para dentro do presídio. Por isso, já vinha sendo monitorada. Ela era uma falsa convivente. Era contratada para realizar o transporte da droga", comentou Walter Júnior.

Desconfiados, agentes penitenciários conduziram Leudimar para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, onde um exame de raio-x constatou a presença de um objeto sólido dentro da vagina. "Nesse momento, ela confessou que estava levando droga", afirmou o delegado. "O fumo não é crime, mas é proibido dentro dos presídios. Ele foi usado para confundir o cheiro da maconha", completou Walter Júnior.

Presa na Delegacia de Floriano, Leudimar deve ser encaminhada para a Penitenciária Feminina de Teresina em breve. Ela responderá por tráfico e associação para o tráfico. Wedson, que já cumpria pena em Vereda Grande por roubar uma metralhadora da Delegacia de Itaueira, será indiciado pelos mesmos crimes da companheira.

Flávio Meireles
flaviomeireles@cidadeverde.com

Posts anteriores