Cidadeverde.com

Chefe do Parque Serra da Capivara é perseguida em BR e aciona polícia

  • capivara7.jpg Yala Sena
  • capivara6.jpg Yala Sena
  • capivara5.jpg Yala Sena
  • capivara4.jpg Yala Sena
  • capivara2.jpg Yala Sena
  • capivara1.jpg Yala Sena
  • serra12.jpg Yala Sena
  • serra11.jpg Yala Sena
  • serra10.jpg Yala Sena
  • serra9.jpg Yala Sena
  • serra8.jpg Yala Sena
  • serra6.jpg Yala Sena
  • serra5.jpg Yala Sena
  • serra4.jpg Yala Sena
  • serra3.jpg Yala Sena
  • serra2.jpg Yala Sena
  • serra1.jpg Yala Sena

A chefe do Parque Nacional Serra da Capivara, Marrian Helen da Silva Gomes Rodrigues, registrou boletim de ocorrência nesta segunda-feira (20) denunciando que foi perseguida em seu veículo quando saia do trabalho por volta das 19h30 da última sexta-feira (17).

Marrian, que comanda o parque há um ano, relatou que estava em seu veículo, um Chevrolet Spin, quando foi abordada por duas pessoas em uma moto. Ela contou que um dos rapazes bateu por várias vezes  no vidro do veículo para que ela pudesse abrir a janela. Ela não obedeceu e aumentou a velocidade e perdeu o controle do carro.  Marian estava na BR-020 e se deslocava de São Raimundo Nonato para Coronel José Dias. 

"Eu me assustei, perdi o controle do veículo e sai da pista. Sair correndo, pulei uma porteira e cheguei em uma residência e pedi socorro", conta Marrian.

Ela disse que ficou com medo e ainda está assustada com o ocorrido.

"Não levaram nada", disse Marrian.

A chefe do parque estava sozinha no veículo. Ela disse que não vem recebendo ameaças. 

A Polícia abriu inquérito e apura se houve ameaças ou tentativa de intimidações. Há histórico de confronto entre direção do parque e caçadores que teimam em invadir a região e caçar em área proibida. O inquérito será presidido pelo delegado Carlos Francelmo Oliveira.   

A deputada federal, Margarete Coelho (Progressistas) usou as redes sociais e condenou as ameaças a diretora do parque.

 

 

 

Flash Yala Sena
[email protected] 

Advogada de jovem, suspeita de agredir blogueira, contesta versão de Byanca Oliveira


Estudante ficou com marcas da agressão na mão (foto: arquivo pessoal)

A defesa da estudante de 16 anos, suspeita de agredir uma blogueira de 17 anos em Anísio de Abreu, contesta a versão apresentada  por Byanca Oliveira. A advogada da estudante, Alice Belli dos Santos Costa, afirma que a sua cliente rebateu com agressividade às provocações da blogueira. 

Além disso, a defesa destaca que a sua cliente e a Byanca se "bateram mutuamente", e não houve a participação de mais pessoas, como apontou a blogueira em seu depoimento compartilhado na rede social. A advogada ressalta que a estudante está "abalada psicologicamente" diante da viralização do caso, ocorrido na madrugada de segunda durante um festa de carnaval fora de época.

"Minha cliente disse que elas se conhecem por morarem em cidades vizinhas. E que as provocações por parte da suposta vítima teriam começado há dois anos. Além disso, a minha cliente começou a ficar com o ex da blogueira. No dia da briga, a blogueira mais uma vez a provocou de dentro do carro, foi quando nesse estopim ela correu, tirou ela do carro e elas começara a brigas, as duas se bateram mutuamente".
 
A defesa explica que a irmã da sua cliente, apontada como suposta agressora, estava por perto e quando percebeu tentou separar a briga junto com outra amiga. "Não teve essa de três mulheres contra uma. Temos testemunhas que afirmam isso. Sei que agressão não se justifica, mas temos que esclarecer os fatos. Minha cliente está abalada enquanto a outra tenta aumentar o número de seguidores". 

Sobre as provocações, a defesa diz que envolvia empurrões em festas, "olhares feios e risadas" quando a sua cliente passava pela suposta vítima (apesar da blogueira morar em São Raimundo Nonato e a estudante em Anísio de Abreu é comum elas frequentarem o mesmo evento por ser cidades vizinhas). ]

"A minha cliente é conhecida, de boa família, nunca se envolveu com fatos dessa natureza, também está recebendo mensagens de apoio e conforto. E eu já tive conhecimento que a blogueira já outros procedimentos em sede policial", acrescenta. 

A defesa ressalta que a sua cliente aguarda intimação para prestar depoimento oficial ao delegado do caso, e isso deve ocorrer nesta semana. A irmã e a amiga também serão ouvidas. 

 

Carlienne Carpaso
[email protected]

Blogueira é agredida por três mulheres ao sair de festa; Polícia investiga

Uma blogueira foi agredida a socos por três mulheres ao sair de uma festa no município de Anísio de Abreu (a 568 km de Teresina). 

A jovem de 17 anos, que tem mais de 12 mil seguidores no Instagram, foi retirada de dentro do carro de um amigo à força pelas três suspeitas que passaram a lhe esmurrar o rosto.

A vítima - Byanca Ribeiro Oliveira - registrou boletim de ocorrência e o caso ganhou repercussão nas redes sociais com a hastag #somostodasbyanca. 

Byanca conta que o crime ocorreu por volta das 5h da manhã de segunda-feira (13) quando saia de uma prévia de Carnaval em Anísio de Abreu. 

"Elas abriram a porta do meu carro, me puxaram pelo cabelo, eu cair no chão, e elas me xingavam de todo nome e passaram a me esmurrar no rosto", conta a vítima.

Ela disse que não sabe o motivo da  violência e nem conhece as agressoras. "Era muita raiva de mim e não sei qual o motivo".

Uma postagem no Instagram de Byanca mostra manchas vermelhas no rosto, na perna e no pescoço. A vítima revela que está abalada e atribuiu a violência ao crime de ódio.

"Não estou querendo sair de casa com medo. Minhas amigas estão me dando força e isso está ajudando".

Após o crime, Byanca recebeu apoio e solidariedade de vários internautas. 

A Polícia Civil informou que vai intimar as três jovens suspeitas. Elas vão responder por crime de lesão corporal. 

Ontem, a jovem gravou um vídeo, pediu justiça e estava visivelmente abalada.

Assista:  

Flash Yala Sena
[email protected]

Inspeção constata 12 presos com tubeculose e mais de 40 com sintomas em São Raimundo Nonato

Uma inspeção do Ministério Público do Piauí (MP-PI) constatou que 12 presos da Casa de Detenção Provisória Dom Inocêncio Lopes Santamaria, em São Raimundo Nonato, estão com tuberculose. O relatório da inspeção, que foi publicado no Diário Oficial do MP, diz ainda que outros 40 detentos podem estar acometidos da mesma enfermidade.

Segundo o promotor de Justiça, Leonardo Cerqueira, coordenador do Grupo de Atuação de Controle externo da Atividade Policial (GACEP), de São Raimundo Nonato, "a quantidade de presos com tuberculose coloca em risco não só a integridade física dos outros presos, como também dos agentes da Polícia Penal que trabalham no presídio".

O promotor afirma ainda que na inspeção também ficou constatado que o Departamento de Administração Penitenciária (DUAP) tem realizado a transferência de presos sem autorização judicial.

"E, ainda, desacompanhados dos respectivos prontuários médicos e processuais, situação inadmissível, que impede o conhecimento, pela administração deste estabelecimento prisional, sobre as condições médicas e de periculosidade dos presos transferidos", relata.

O relatório elaborado pelo promotor diz ainda que a Casa de Detenção, que possui capacidade para abrigar 146 presos provisórios, atualmente está com 230. "Os quais foram abrigados nas celas em situação de absoluto improviso, uma vez que dormem em colchões espalhados pelo chão", relata o membro do MP.

O promotor diz ainda que alguns presos foram transferidos de Teresina, quando a Casa de Detenção deveria receber detentos apenas de São Raimundo Nonato e de outras cidades da região, como Canto do Buriti, São João, Simplício Mendes e Caracol. 

No relatório, Leonardo Cerqueira recomenda ao secretário de Justiça, Carlos Edilson, que não transfiram mais presos para a unidade prisional sem ordem judicial, bem como desacompanhados dos respectivos prontuários médicos e processuais. Recomenda também que, pelo período de 6 meses, a Sejus não transfira novos presos (provisórios ou definitivos) de outras unidades prisionais do Estado (Teresina, Altos, Campos Maior, Picos) enquanto os detentos doentes não forem tratados.


Secretário de Justiça, Carlos Edilson. Foto: Roberta Aline

O promotor pede ainda que sejam transferidos, no prazo máximo e improrrogável de 60 dias, de todos os detentos - definitivos ou provisórios - oriundos das unidades prisionais de Teresina, Altos, Campos Maior, Picos - que estejam há mais de 03 meses em São Raimundo Nonato.

O Cidadeverde.com entrou em contato com a Secretaria de Justiça e aguarda um posicionamento sobre a recomendação do MP.

Em nota, a Secretaria de Justiça disse que os detentos identificados com turbeculose estão isolados e recebendo o tratamento devido. A Sejus informa ainda que a unidade de São Raimundo Nonato, reconhecida nacionalmente por sua eficiência procedimental, é atendida pela Política Nacional de Atenção Integrada à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional (PNAISP), em que é ofertada toda assistência à saúde ao detento.

Flash Yala Sena
[email protected]

Projeto incentiva plantação de espécies nativas da Caatinga

Fotos: Divulgação/Ascom

O projeto do Viveiro Mata Branca de produção e distribuição de mudas nativas da Caatinga, realizou na manhã desse domingo (5) ação em defesa do meio ambiente.

Foram distribuídas centenas de mudas de aroeira e outras espécies com funcionários públicos municipais de São Raimundo Nonato e interessados. O projeto do viveiro Mata Branca é realizado no povoado da Serra Vermelha, num dos acessos ao Parque Nacional Serra da Capivara. A ideia é contribuir com a recomposição florestal do semiárido nordestino.

"A ideia é disseminar a cultura de plantar espécies nativas da Caatinga.  O projeto não tem nenhuma ligação política, é mantido por voluntários. Aproveitamos as chuvas que estão caindo na região, e fizemos (hoje) a primeira ação de 2020. Distribuímos mudas para qualquer pessoa interessada, escolas, universidades, órgãos da sociedade, turistas e etc", conta André Pessoa, um dos coordenadores do projeto. 

"Tentamos diminuir a cultura de plantar espécies exóticas com o Nim e a Algaroba, que prejudicam a nossa flora nativa e viraram pragas no sertão. As duas espécies são exóticas: Nim da Índia e Algaroba do Chile", acrescenta André.
Todas as mudas são doadas. O projeto não comercializa nenhuma ação. O programa faz parte das ações do Instituto Ecológico Caatinga (IEC), uma organização não governamental sem fins lucrativos. 

Desde a sua criação, em 2004, o projeto já produziu, plantou e distribuiu milhares de mudas da Caatinga na microrregião de São Raimundo Nonato.

O projeto é apoiado pelo Centro de Referência Para Recuperação de Áreas Degradas (CRAD), órgão ligado ao Ministério do Meio Ambiente e Universidade Federal do Vale do São Francisco. 

Toda a parte científica e técnica é coordenada de forma voluntária pelo pesquisador José Alves de Siqueira Filho, autor da obra “A Flora das Caatingas do Rio São Francisco”, ganhador do prêmio Jabuti de literatura na categoria Ciências Naturais.

Em São Raimundo Nonato o viveiro Mata Branca tem como relações públicas e maior parceira, a empreendedora Socorro Macedo. As sementes para produção das mudas são fornecidas pelo CRAD.

 

Da redação
[email protected] 

Prefeitura de São Raimundo Nonato emite comunicado quanto abastecimento de água

A Prefeitura Municipal de São Raimundo Nonato (PI), torna público que solicitou a SEMAR a expedição de Outorga Preventiva para a perfuração de 01 (um) Poço Tubular profundo, para o Consumo Humano, na Bacia Hidrográfica do Rio Parnaíba, na localidade: Alpercatas, zona rural do município de São Raimundo Nonato, Lat: 08º 53’ 22,98” (S); Long: 42º 49’ 43,64” (W) – Volume Requerido de 2.148,00 m³/ano Sub-bacia dos rios Canindé/Piauí, captando água do Aquífero Serra Grande.

Morre Dom Cândido Lorenzo González, bispo emérito de São Raimundo Nonato

Foto: Israel Barreto de Negreiros/Padres Mercedários

Será enterrado nesta quinta-feira (19), Dom Cândido Lorenzo González, bispo emérito da Diocese de São Raimundo Nonato. O religioso, que morreu ontem aos 94 anos, estava com a saúde debilitada por conta de complicações ocasionadas pelo alzheimer. González será sepultado na catedral do municipio por volta das 9h.

Dom Cândido Lorenzo González nasceu na Espanha em 1925. Foi ordenado sacerdote em 1954. Em 1969 ele foi nomeado pelo papa Paulo VI como bispo de So Raimundo Nonato. A posse ocorreu em  5 de abril de 1970.

"Era um homem sem ostentações. Muito obstinado no cumprimento dos seus objetivos religiosos. Era um homem rigoroso e disciplinado", afirmou o Padre Herculano Negreiros.

Segundo o padre, Dom González morreu faltando três meses para completar 50 anos de bispo na diocese de São Raimundo. Ele foi um dos sucessores de Dom Inocêncio, que está em processo de beatificação.

"Ele estava com Alzhameirer até perder totalmente a memorória a partir de 2017. Sua morte ocorreu nos primeiros minutos de ontem", finalizou o padre.

Hérlon Moraes
[email protected]

Passaredo, 4ª companhia aérea, quer operar voos para São Raimundo Nonato

Foto: Ascom/Passaredo

A companhia aérea Passaredo Transportes, a 4ª maior do País, quer operar voos para o aeroporto de São Raimundo Nonato, que é a porta de entrada para o Parque Nacional Serra da Capivara. 

O aeroporto que foi inaugurado em outubro de 2015 poderá pela primeira vez receber voos comerciais. O governador Wellington Dias (PT) foi pessoalmente conversar com a direção da Passaredo para negociar a operação de voos regionais. 

Para o aeroporto ter voos comerciais precisa adequar os equipamentos. O governador quer um pacote com voos em São Raimundo Nonato e a rota das Emoções, passando por Parnaíba, Jericoacoara e Lençóis Maranhenses. 

O secretário estadual de Turismo, Flávio Nogueira Júnior, informou que as rotas e dias ainda não foram definidos.

“Essas questões ainda serão definidas. O importante é que esse é um demonstrativo de que temos um destino turístico atrativo para a empresa”.

A Passaredo é atualmente a empresa aérea brasileira mais antiga em operação no Brasil. Atualmente, a empresa realiza voos para 34 destinos com aeronaves com capacidade para 68 passageiros, possibilitando conectividade para vários destinos nacionais e um destino internacional (Buenos Aires) através da GOL.

O secretário destacou que a viabilidade de voos regionais para os principais destinos turísticos do Piauí tem sido um trabalho que vem sendo realizado há algum tempo, tanto na divulgação dos roteiros e potenciais turísticos do Estado em feiras e eventos nacionais e internacionais, quanto na estruturação dos roteiros. “São Raimundo Nonato concentra o berço do homem americano. O local vem sendo estruturado e é de interesse mundial. Nossas pinturas rupestres interessam não apenas para pesquisadores, mas também para a população de forma em geral que quer conhecer um pouco mais da nossa história”, comentou.

Flávio Nogueira Júnior lembrou que a Secretaria trabalha ainda para que outros destinos do Piauí sejam incluídos nas rotas de voos regionais. “Queremos nossos potenciais turísticos conectados com todo o Brasil e com o mundo. Temos potencial para isso”, disse.

 

Flash Yala Sena (com informações da Setur)
[email protected]

Governo leva serviços e ações para comunidade Quilombola em São Raimundo Nonato

Moradores das 119 comunidades quilombolas que fazem parte dos 12 núcleos do Território Lagoas participaram, na última sexta-feira (13), do Dia de Cidadania, coordenado pela Vice-governadoria com o apoio de outros órgãos estaduais, da prefeitura e da Câmara Municipal de São Raimundo Nonato. A maior procura foi pela emissão da carteira de identidade com 200 atendimentos realizados na comunidade Lagoa das Emas.

A vice-governadora Regina Sousa disse que o objetivo do projeto Resgate Social é levar os serviços e ações do Governo às comunidades mais distantes. E são oferecidos emissão de documentos, serviços de beleza e atendimentos na área de saúde. ” A identidade é o mais procurado porque agora tem renovar a cada 10 anos. Mas também ajudamos a elevar a autoestima com os serviços de beleza.”

A prefeita de Carmelita Castro elogiou o trabalho da vice-governadora Regina Sousa em proporcionar aos moradores de comunidades distantes diversos tipos de atendimentos. “Além de levar os serviços, a vice-governadora vai também às comunidades. Isso é muito importante”, diz.

A prefeitura foi parceira do evento disponibilizando profissional de saúde. O vice-prefeito Beto Macedo esteve presente e também elogiou o trabalho da vice-governadora.

O pedido para realizar a ação na comunidade Lagoa das Emas foi feito à vice-governadora pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Eumadeus Pereira. Ele explicou que conhece as demandas dos moradores e eles têm dificuldade de deslocamento para a sede do município.

Naildes Marques dos Santos, da comunidade Quilombola Lagoa das Emas, disse que levou o pedido para a Câmara Municipal porque é muito difícil conseguir “tirar” carteira de identidade nas comunidades e o Dia de Cidadania facilitou a vida de todos.
Manoel Aragão Ribeiro, 60 anos, morador da comunidade Lagoa dos Prazeres, disse que há muito tempo queria renovar a carteira de identidade, mas não tinha oportunidade. E aproveitou o Dia de Cidadania para conseguir o documento novo juntamente com outras 200 pessoas que saíram da Igreja Sagrado Coração de Maria com nova carteira de identidade.

Consultas e testes rápidos de hanseníase, leucemia e glicose e ainda aferição de pressão foram oferecidos à comunidade. A agricultora Lucidalva de Jesus Ferreira descobriu que tem pressão alta e agradeceu a oportunidade e disse que se não fosse pelo serviço oferecido na sua comunidade dificilmente saberia que tem esse problema de saúde.

Além das Secretarias de Saúde, Segurança, a de Assistência Social, a coordenadoria de Trabalho e Direitos Humanos também participou da ação com serviços de beleza e pintura de rosto em crianças que foram realizados na Unidade Escolar José Pereira Bons Olhos.

 

[email protected]

Polícia apreende 18 armas em uma residência em São Raimundo Nonato

Foto: Divulgação Policia Civil

A Delegacia Regional de São Raimundo Nonato apreendeu 18 armas de fogo e várias  munições em uma residência, nesta quarta-feira (11), na zona urbana da cidade, que fica a 500 km de Teresina.

O dono do imóvel, de iniciais B. dos S., foi preso e autuado em flagrante delito.

Durante investigação, a Polícia Civil recebeu informações que na residência do acusado  havia uma espigarda calibre 12. Ao chegar no local, foram encontradas várias armas e munições.

Dentre as armas, havia quatro armas de uso restrito das Forças Armadas (espingardas calibre 12). 

Foram apreendidas ainda 10 cartuchos de munições para escopeta calibre 12, munições de pistola .40, e munições de outros calibres.

 

[email protected]

Posts anteriores