Cidadeverde.com

Filme sobre Niède Guidon será exibido pela primeira vez no Piauí

Fotos: Divulgação/ Niède O Filme

O documentário NIÈDE será exibido pela primeira vez no Piauí. Os moradores e a comunidade de São Raimundo Nonato terão oportunidade de participar de uma sessão gratuita do filme durante a programação do aniversário de 40 anos do Parque Nacional da Serra da Capivara. O lançamento solene acontece às 19h da próxima quarta-feira (5) e terá a presença do diretor Tiago Tambelli. A exibição reunirá os protagonistas, autoridades,  comunidades da zona de entorno da unidade de conservação. A sessão será feita pelo CINESOLAR - projeto de cinema sustentável com o uso de energia solar.

O filme apresenta a trajetória da arqueóloga brasileira Niéde Guidon, que nos anos de 1970 deixou Paris, onde lecionava na  École des Hautes Études em Sciences Sociales, para imergir na caatinga do sudeste do Piauí, revelar ao mundo as milhares de pinturas rupestres espalhadas pela região e lutar pela criação do Parque Nacional da Serra da Capivara, Patrimônio Cultural da Humanidade (Unesco) e um verdadeiro museu a céu aberto.

Ao longo de 135 minutos, o espectador mergulha na vida de Niéde. O fio da memória da pesquisadora, nascida em Jaú, SP, do casamento de uma brasileira e um francês, e que jamais imaginou trocar Paris por São Raimundo Nonato, vai sendo tecido por quem esteve com ela desde a chegada à região, como a amiga Sílvia Maranca, os mateiros João da Borda, Justino, Nilson e Nivaldo, que abriram os primeiros caminhos na caatinga e apresentaram centenas de tocas e pinturas. Mulheres que tiveram sua vida modificada pela ação de Niéde de valorizar o feminino, ou ainda colegas da academia como o atual chefe da Missão Francesa de Pesquisa na Serra da Capivara, o especialista em líticos, Eric Boeda. 

Referência local, a presença  de Niéde, hoje com 86 anos, impactou, e ainda impacta, a vida de crianças, mulheres, homens, mateiros, estudantes, exploradores de cal, caçadores, guardas-parque, políticos, pesquisadores, comerciantes. Como pontuam historiadores locais, Niéde inaugurou um novo ciclo na região até então esquecida por muitos, que já dura mais de 40 anos.

No filme, o diretor Tiago Tambelli, conduz o espectador a uma viagem de fruição que lhe permite sentir a pujança da fauna e da flora do lugar e maravilhar-se com algumas das mais antigas pinturas rupestres do continente de sítios arqueológicos localizados dentro do Parque e fora dele. O mistério do surgimento do homem povoa as paredes de um enorme número de “tocas” – pouco mais de mil cavernas foram identificadas. Há, ainda, um número significativo desses locais a ser descoberto, mapeado e estudado naquela região, reconhecida mundialmente como a de maior concentração de sítios pré-históricos das Américas.

“Contar a história de Niéde Guidon é também contar a história da humanidade. O documentário revela o tamanho do esforço e dedicação de Niéde para preservar as memórias da pré-história e o filme é uma celebração as nossas ancestralidades, humanas e naturais”, afirma Tambelli, destacando o grande desafio que foi realizar esse filme.

O longa coproduzido pelas produtoras B&T Audiovisual, do Piauí, e Lente Viva Filmes, de São Paulo, contou com aportes do Governo do Estado do Piauí, por meio da Secretaria de Estado de Cultura do Piauí (Secult), e recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) - edital Prodecine 01/2016, administrados  pelo Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e geridos pela Agência Nacional do Cinema (ANCINE). A obra contou ainda com patrocínios culturais da Ouro da Mina, BR Locadora e Pousada Zabelê. A distribuição está a cargo da ELO Company.

O filme marca a retomada do cinema piauiense e se configura como o primeiro longa com projeção nacional realizado por produtora piauiense, com estreia no maior evento de documentários da América Latina, o Festival É Tudo Verdade.

“Esse filme mostra a história de Niéde e as nossas riquezas. Representa uma realização importante para as produtoras e para o Estado do Piauí. Ele se configura em um marco da produção local, possível graças aos investimentos do Governo do Estado do Piauí, do Fundo Setorial do Audiovisual e à co-produção com a Lente Viva, aos parceiros, apoiadores e equipe envolvida, enfim, todos aqueles que acreditaram e apostaram no projeto, parte que considero o maior desafio de uma grande produção”, destaca Talyta Magno, da B&T.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Hospital da cidade de São Raimundo Nonato será reformado e ampliado

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, assinou a autorização para a abertura do processo licitatório e contratação de construtora para realizar a reforma e ampliação do Hospital Senador Cândido Ferraz, no município de São Raimundo Nonato. Os recursos utilizados serão no valor de R$ 7 milhões. O hospital atende à população de 18 municípios da região piauiense e cinco cidades da Bahia.

A autorização foi assinada na presença da prefeita de São Raimundo Nonato, Carmelita de Castro Silva e do deputado estadual Hélio Isaias. Segundo o parlamentar, os recursos foram conseguidos ainda no pleito do piauiense Marcelo Castro quando foi Ministro da Saúde. “A ampliação e reforma do hospital vão fazer toda a diferença na qualidade do atendimento na região”, declarou.

A prefeita de São Raimundo Nonato disse que agora vai o atendimento será ampliado a pacientes de toda a região. “Nós não atendemos só a população de São Raimundo Nonato. São mais 17 municípios que buscam atendimento no Hospital Senador Cândido Ferraz, que é referência. Além disso, temos pelo menos umas cinco cidades do estado da Bahia em que os moradores também buscam nosso hospital pela proximidade”, afirma Carmelita de Castro Silva.

Para o secretário Florentino Neto, a autorização tem um significado importante para aquela região com os novos serviços que serão abertos por conta das obras de reforma e ampliação do hospital. “Vamos iniciar o processo licitatório já com os recursos autorizados, o que torna tudo mais rápido", adiantou.

Fonte: ascom

Empresários de SP conhecem potencial turístico da região de São Raimundo Nonato

Festival da Ópera (Foto: Joaquim Neto/Site/Governo do Piauí)

O atrativo turístico do Piauí foi pauta no encontro do governador Wellington Dias com o ex-ministro do Turismo, Luiz Barreto, e empresários do setor de Turismo, em reunião realizada no Estado de São Paulo, no sábado (25). A reunião discutiu os projetos de Parceria Público-Privada do Hotel Serra da Capivara, em São Raimundo Nonato, e a Cidade Turística, em Coronel José Dias.

Na oportunidade, Wellington chegou a convidar o ex-ministro para o Festival Ópera Serra da Capivara, que acontece de 22 a 27 de julho, além de visitar as belezas naturais dos municípios. 

“Com o Museu da Natureza instalado na região, temos que garantir a presença de investidores em mais leitos de hotelaria, pousadas de charme e redes de restaurantes, especialmente com grupos que tenham experiência e integrados ao turismo nacional e mundial", pontuou o governador.

Para Luiz Barreto, o Piauí desponta dentro do Nordeste como uma nova fronteira para o Turismo. 

“Destaco a região do Delta do Parnaíba, uma joia do turismo litorâneo; a região da arqueologia no Turismo Serras Brasil; além de Teresina como o grande polo de serviços no interior do Brasil. Os empresários gostaram muito da apresentação do governador e se comprometeram a ir ao Piauí. São pessoas com muita expertise e integrados com fundos de investimento, portanto há a chance de grandes investimentos no estado", disse.

Em São Paulo, Wellington Dias também esteve com o presidente da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), Benjamim Steinbruch, que se comprometeu a fazer uma nova agenda com os governadores do Piauí, Pernambuco e Ceará para buscar soluções para retomada da Ferrovia Transnordestina.

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com 

Ônibus intermunicipal desce ribanceira e tomba com 15 passageiros

  • onibussrn-foto4.jpg Fotos Whatsapp
  • onibussrn-foto3.jpg Fotos Whatsapp
  • onibussrn-foto2.jpg Fotos Whatsapp
  • onibussrn-foto1.jpg Fotos Whatsapp
  • onibussrn.jpg Fotos Whatsapp

Um ônibus da empresa Princesa do Sul tombou na madrugada desta sexta-feira(17) na PI-140, a cerca de 20 quilômetros de São Raimundo Nonato (a 517 km ao sul de Teresina). O ônibus com 15 passageiros desceu a ribanceira e virou.

Segundo o chefe de tráfego da empresa, José de Ribamar Neves, o motorista teria tentado desviar de vários animais e perdeu o controle. 

"O motorista perdeu o equilíbrio quando virou numa curva e viu vários jumentos e não deu para desviar e saiu da pista, desceu o aterro e deitou o ônibus, infelizmente", disse seu Neves, afirmando que o Samu foi acionado imediatamente. 

Policiais do 11º Batalhão da PM de São Raimundo também tiveram no local. No veículo tinha 15 passageiros, entre eles dois militares que tiveram escoriações leves.

Os dois mais graves foram um dos motoristas, que quebrou o tornozelo e um dos passageiros que está com ameaça de ter o braço decepado, segundo o soldado Anderson Fontenele, do 11º BPM. 

A empresa, que possui uma agência na cidade, informou que prestou assistência aos feridos e providenciou o recolhimento das bagagens do local e ainda acionou o seguro.

"Está tudo controlado. A empresa foi ao local e pegou os pertences dos passageiros, acionou o seguro e chamou o atendimento médico para os passageiros e tripulantes. As estradas estão horríveis cheias de buracos e com animais, infelizmente estamos suscetíveis a esse tipo de coisa, mesmo em um trecho pequeno como este de 500 quilômetros", destacou o chefe de tráfego.

As causas do acidente devem ser investigadas pela Polícia Civil.  

 

Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

Golpe contra idosos seria liderado por advogados; cinco escritórios são alvos do Gaeco

Foto: Arquivo Cidade Verde

Atualizada e ampliada às 12h01

A operação deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Estado, cumpriu mandados de busca e apreensão em cinco escritórios de advocacia na região de São Raimundo Nonato (a 500 km de Teresina). Segundo o Gaeco, a organização criminosa seria liderada por advogados. 

O coordenador do Gaeco, promotor Rômulo Cordão, explicou ao Cidadeverde.com que aposentados com empréstimos bancários seriam cooptados supostamente por advogados, para entrarem com ações no Juizado Especial de São Raimundo Nonato, para pedir anulação dos empréstimos informando que não teriam autorizado o desconto, mesmo tendo sido realizado de forma espontânea.  

"Essas ações faziam o Judiciário incorrer em erro, contestando a agência bancária que não tinha tempo hábil de responder, por ter muitas ações, precisando mostrar cópias desses contratos e assim os advogados ganhavam ações por danos morais e ficando com a maior parte desse dinheiro", explicou Rômulo Cordão. 

O promotor informou ainda que a suspeita recorre em cerca de 16 mil ações que tramitam na justiça de São Raimundo. Cada grupo liderava de mil a quatro mil ações. 

Foto: Ascom MPPI

Foram cumpridos até o momento 29 dos 30 mandados de busca e apreensão sendo recolhidos documentos, mídias, aparelhos celulares nos municípios de São Raimundo, Teresina, São João do Piauí, Dirceu Arcoverde, Bonfim do Piauí e Juazeiro da Bahia. 

O coordenador do Gaeco informou ainda que a maior parte dos aposentados não tinha ciência do golpe, mas alguns sabiam. "Os que sabiam eram atraídos por um trocado fácil, mas grande parte é analfabeta e não entendiam muito bem o que estava acontecendo e se deixavam levar pela conversa dos advogados", disse Rômulo Cordão. 

Os aposentados são chamados de coiotes e por isso o nome da operação.

A Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil, secção Piauí, foi informada da operação e está acompanhando toda ação in locu

Nesta sexta-feira(17) haverá uma entrevista coletiva em Teresina com o balanço da operação.   

Nota de esclarecimento da OAB-PI

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, expressa a sua preocupação com a abordagem do assunto, antes mesmo da comprovação do envolvimento criminoso dos advogados.  É preciso ressaltar que o julgamento deve ficar a cargo da Justiça. O benefício da dúvida, presunção de inocência, contraditório e ampla defesa, valores e princípios constitucionais de alta relevância para a sociedade brasileira, devem ser aplicados pelos responsáveis pela investigação em toda a sua extensão e profundidade, em busca da verdade material, inclusive pela imprensa.

A OAB Piauí não vai se eximir da apuração dos fatos. Será feito todo o acompanhamento do andamento do inquérito policial, com o objetivo de assegurar o correto tramitar do processo e os direitos dos advogados. Estaremos, inclusive, na cidade de São Raimundo Nonato, para ter acesso a todos os elementos da investigação, no que diz respeito à atuação dos profissionais inscritos na Ordem, a fim de averiguar a existência de provas materiais contra as suas condutas. 

Garantimos que toda e qualquer acusação contra os advogados serão devidamente apuradas. Porém, não podemos compactuar com qualquer tentativa de desmoralização da advocacia piauiense e brasileira.

Por fim é importante dizer ainda que qualquer profissional que infrinja a Constituição, Código de Ética e o Estatuto da Advocacia sofrerá as devidas sanções previstas, sem prejuízo do contraditório e da ampla defesa. Mas, com o mesmo rigor, sempre que qualquer colega advogado ou advogada tiver suas prerrogativas violadas, ou for acusado de algum delito sem provas concretas e sem a oportunidade de uma ampla defesa, a OAB Piauí se posicionará em busca da verdade e da Justiça.

 

Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

Gaeco deflagra operação para desarticular grupo que aplicava golpes em idosos no Piauí

Foto:Ascom MPPI

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) deflagrou operação "Coiote" para desarticular organização criminosa que atuava na região de São Raimundo Nonato, no interior do Estado, aplicando golpes em aposentados e contra instituições bancárias.

Estão sendo cumpridos 31 mandados de busca e apreensão no Piauí e também na Bahia.

 A operação do Ministério Publico do Piauí conta com apoio das polícias Civil e Militar e foi deflagrada nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (16). Até o momento não há informações se há presos. 

Um entrevista coletiva está prevista para ocorrer na sexta-feira (17). 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

 

Parque Nacional Serra da Capivara completa 40 anos com entrega de comendas

Arte rupestre no Parque Nacional Serra da Capivara (Foto: Ccom)

A jornalista Nadja Rodrigues e o professor Cineas Santos serão homenageados com a Comenda Serra da Capivara. A comenda integra uma série de comemorações pelos 40 anos de aniversário do Parque Nacional da Serra da Capivara. Eles receberão a comenda pelo programa Feito em Casa exibido em 2011 no SBT Repórter - 2011, dentre diversos programas jornalísticos já divulgados pela emissora.

A entrega da comanda aos homenageados  ocorrerá no dia 05 de junho de 2019, data em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente, no anfiteatro da Pedra Furada a partir das 18 horas.  

A comenda reconhece a contribuição dos homenageados e os meios de comunicação nos quais trabalham por contribuírem para a proteção, divulgação e desenvolvimento do Parque Nacional Serra da Capivara e sua área de entorno. Ela é uma parceria entre as organizações não governamentais Instituto Ecológico Caatinga (IEC), de São Raimundo Nonato , e do Instituto Olho D’água (IODA), em Coronel José Dias.

"Na edição 2019, a Comenda Serra da Capivara será exclusivamente dedicada para homenagear o audiovisual reconhecendo jornalistas, repórteres, cineastas, produtores e colaboradores que desenvolveram ou viabilizaram projetos de audiovisual sobre o Parque Nacional Serra da Capivara nos últimos 40 anos", informou a organização do evento. 

Também ocorrerá no dia 05 de junho, a abertura da Semana do Meio Ambiente, que contará com uma vasta programação no Parque Nacional Serra da Capivara e região.  Confira aqui a programação.


Fotos: facebook/Cineas Santos e Instagram/NadjaRodriguesTv

 

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com

Dentista é condenada a dois anos de prisão por injúria racial e racismo

Foto: Polícia Civil

dentista Delzuite Ribeiro de Macêdo foi condenada a  dois anos e quatro meses de reclusão, e três meses de detenção, pelos crimes de injúria racial e racismo qualificado. A  sentença foi proferida pelo Juiz de Direito da 1ª Vara da Comarca de São Raimundo Nonato, Carlos Alberto Bezerra Chagas, e divulgada na terça (16).

Considerando o total da pena imposta, o seu cumprimento deve ser iniciado no regime aberto. No mesmo documento, o juiz, preenchidos os requisitos legais, substituiu a pena privativa de liberdade por duas restritivas de direito: "prestação pecuniária de 20 (vinte) vinte salários-mínimos atuais, corrigidos monetariamente quando da execução, e prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período da pena privativa de liberdade"

O juiz também revogou a prisão preventiva da dentista, concedendo à acusada o direito de recorrer em liberdade. "Tendo em vista o regime inicial de cumprimento da pena e a substituição desta por penas restritivas de direitos, mostra-se desnecessária a manutenção da prisão cautelar", explicou na sentença. 

 A dentista também foi condenada a pagar as custas processuais. A acusada deverá ser posto em liberdade, "se não se encontrar presa por outro motivo". 

Entenda o caso 

A sentença contra Delzuite Ribeiro trata-se de uma ação penal ajuizada pelo Ministério Público Estadual imputando-lhe a prática dos crimes de lesão corporal tentada, ameaça, injúria preconceituosa/racial e racismo qualificado. 

" Em resumo, narra a denúncia que: no dia 06 de abril de 2018.  a Acusada, agindo com a consciência e livre vontade, mediante a utilização de palavras, ameaçou a vítima T.R.N.. prometendo causar-lhe mal injusto e grave; nesta mesma ocasião, logo em seguida às ameaças proferidas contra  T.R.N. , a acusada, agindo com consciência e vontade de ofender a integridade desta, arremessou uma tesoura em sua direção, só não a atingindo por circunstâncias alheias à sua vontade", narra a sentença. 

Em seguida, a  decisão pontua que "no dia mencionado, no período noturno, a acusada, agindo com consciência e livre vontade, mediante a utilização de postagens de cunho preconceituoso e racista em sua página do Facebook denominada Del Macêdo, injuriou a vítima, ofendendo-lhe a dignidade, tendo praticado, ainda,com tais postagens, discriminação contra um número indeterminado de pessoas de uma mesma raça e cor". 

Saiba Mais

"Ofendeu não só minha filha, mas uma raça", diz mãe que denunciou racismo

MP denuncia dentista por crime de racismo e pede RS 50 mil por danos morais

Audiência de instrução de dentista é realizada por carta precatória em Teresina

Em depoimento, dentista nega racismo e diz que deveria ter agredido a vítima


Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com 

Prefeitura de São Raimundo distribui cestas básicas e peixes para a semana santa

A Prefeitura Municipal de São Raimundo Nonato, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social (Semtas), distribuiu quatro mil quilos de peixes e novecentas cestas básicas para a população.

A ação voltada para distribuição de alimentos é estimulada peloclima da semana santa, é o que explica a secretária do Trabalho e Assistência Social, Altícia Ribeiro. “Com essa ação visamos promover a igualdade social e, além disso, mesa cheia. Principalmente por essa época de semana santa”, disse a secretária.

Os alimentos foram distribuídos para os beneficiários cadastrados no Programa Bolsa Família e nos bairros de maior vulnerabilidade social.

A prefeita Carmelita Castro destacou sua alegria em realizar a ação: “É muito gratificante poder ajudar a população, é um gesto simples e que vai fazer toda a diferença na vida dessas famílias. É um momento de contemplarmos o amor de Deus, refletir sobre seu amor por nós e sobre amar ao próximo”, disse Carmelita.

Ascom.

Secretaria de Saúde inicia implantação do PGRSS

A Prefeitura de São Raimundo Nonato, por meio da secretaria de Saúde, iniciou na tarde desta segunda-feira, dia 25, a implantação do Plano de Gerenciamento de Resíduos de Saúde – PGRSS, com uma capacitação para auxiliares de serviços gerais. Ao todo, 16 profissionais responsáveis pela higienização dos locais vinculados à secretaria receberam o treinamento. O encontro foi realizado no auditório do Centro de Especialidades Odontológicas – CEO. Na oportunidade foram repassadas informações sobre normas e rotinas de limpeza nas Unidades Básicas de Saúde.

O objetivo é enfatizar o papel do auxiliar de serviços gerais na equipe de saúde.

Os servidores receberam informações sobre os cuidados durante a realização de higienização das unidades como classificação dos tipos de resíduos, descarte correto para materiais perfurocortantes, uso de equipamentos de segurança (EPI’S), cuidados pessoais e hábitos legais durante o período de serviço, além da técnica correta para higienização das mãos.

Segundo o secretário de Saúde Jussival Júnior, os encontros servem de atualização de conhecimentos e técnicas aplicadas ao trabalho dos profissionais de saúde. A importância da atividade de higienização dentro de serviços de saúde deve ser reconhecida por todos que usam os serviços e por isso todos receberam seus equipamentos de segurança (EPI’S). Como parte da equipe das unidades os auxiliares de serviços gerais cumprem um papel importantíssimo com a assepsia dos ambientes de trabalho. Tendo em vista que, estamos trabalhando para que todos os resíduos de saúde tenham seu destino correto.

A capacitação foi ministrada pelo Técnico em Segurança do Trabalho, Amaury Almeida.

Ascom

Posts anteriores