Redutores de velocidade e semáforos são instalados nas principais vias

A fiscalização de trânsito no município de Campo Maior, a 78 km de Teresina, será intensificada na principais vias da cidade com a instalação de novos semáforos e redutores de velocidade. Os equipamentos deverão funcionar a partir do mês de setembro, por determinação do Ministério Público. 

“O compromisso da gestão é com a vida. Os números de acidentes diminuíram bastante em nossa cidade. O trabalho de fiscalização e as blitzen surgiram um efeito positivo” destaca o secretário de Trânsito Capitão Paz que, recentemente, assinou Termo de Ajuste de Conduta com o Ministério Público, por recomendação do promotor Mauricio Gomes de Sousa, da 3ª Promotoria de Campo Maior.




No início da semana, as principais vias asfaltadas já começaram a receber sinalização horizontal e vertical. Ao total, cerca de 47 ruas estão passando por melhorias no trânsito. Os novos semáforos serão instalados nas avenidas Demerval Lobão, Santo Antônio e Avenida Nilo Oliveira.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Prefeitura constrói bacia de contenção de enchentes na margem do Rio Surubim

A prefeitura de Campo Maior retomou as obras da bacia de contenção para drenagem do Rio Surubim e a previsão de conclusão da primeira etapa é para o mês de agosto. Orçada em R$ 8 milhões, a obra evitará alagamentos durante perídio chuvoso.


“Além da construção da bacia de contenção, também está sendo colocada a tubulação de drenagem. Tudo isso para preparar a avenida para ser colocado o asfalto”, explicou Dibes Ibiapina, gerente de Obras da Prefeitura de Campo Maior.



Após concluir a avenida, Dibes informa que será feito um dique na outra margem do Rio Surubim, protegendo as famílias ribeirinhas. “Esse é o proposito maior dessa obra, que é justamente livrar nossa cidade de inundações”, ressaltou o prefeito Paulo Martins.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Bandidos ateiam fogo com vigia de shopping dentro de escritório

O vigia do Shopping José Paulino de Miranda, em Campo Maior, foi trazido em estado grave para Teresina com queimaduras por todo o corpo. Francisco das Chagas, 58 anos, estava trabalhando, quando dois motociclistas com capacetes invadiram o local e atearam fogo no escritório do advogado Ribamar Coelho, por volta das 4h desta sexta-feira (11). 

                    Fotos: Portaldecampomaior

O shopping funciona como uma galeria com vários pontos comerciais. A Delegada de Polícia Civil Ana Luiza investiga o caso e ressalta que informações preliminares apontam que o alvo dos bandidos seriam processos judiciais. 

"Ainda não conseguimos falar com o proprietário do escritório porque ele está com a bacia fraturada, após um acidente de trânsito. As informações que apurei, até o momento, é que no local existem mais de 100 processos e eles podem ter agido com a finalidade de destruir estes documentos", explica Ana Luiza. 

A perícia no escritório ainda não foi realizada e a suspeita é que os bandidos tenham utilizado gasolina como combustível para iniciar o fogo. 




"Não conseguimos falar com a vítima porque ele está em estado grave e foi transferido imediatamente para Teresina. Ainda não sabemos se ele foi amarrado ou ficou preso em alguma sala. Estamos apurando o crime", finaliza a delegada Ana Luiza. 

Na capital, Francisco das Chagas está internado no Hospital de Urgências de Teresina (HUT). Os escritório ficou totalmente destruído e continua isolado. O prejuízo causado pelo incêndio não foi revelado.

OAB
A seccional piauiense da Ordem dos Advogados do Brasil enviou uma nota à imprensa informando que está acompanhando o caso. 

O presidente da OAB-PI, Willian Guimarães, informou que a seccional já entrou em contato com a delegada regional, Ana Luiza, e com o Secretário de Segurança do Estado, Luís Carlos Martins Alves, para que seja enviada uma equipe de peritos da Polícia Civil ao Município de Campo Maior. A Ordem também contatou o Subcomandante Geral do Corpo de Bombeiros do Piauí, coronel José Leonardo Pacheco Campos Drumond, para que seja acionada a perícia da corporação.

“Também encaminhamos uma equipe da Comissão de Defesa das Prerrogativas do Advogado para Campo Maior, para que, juntamente com o presidente da Subseção Décio Mota, acompanhem o caso e deem total apoio ao advogado Ribamar Coelho. A Ordem repudia, veementemente, esse tipo de ato e exige dos órgãos de segurança o esclarecimento e punição dos culpados”, asseverou Guimarães, acrescentando que a Comissão de Prerrogativas irá acompanhar o inquérito policial já instaurado.


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Jovem de 18 anos é encontrada desacordada às margens de rodovia

A jovem identificada como Francilene Sousa e Silva, 18 anos, foi encontrada desacordada em um matagal, próximo a ponte do Surubim, no município de Campo Maior, a 78 km de Teresina. A vítima foi encontrada com várias escoriações e levada para o Hospital Regional de Campo Maior por uma equipe do Samu. 

                              Fotos: Portaldecampomaior

"Ela estava comigo uma seresta no bairro de Flores e resolveu sair da festa dizendo que iria para casa, no bairro Matadouro, mas isso não aconteceu. Quando cheguei não encontrei minha filha em casa”, disse a mãe Marinete Sousa e Silva.

De acordo com a Polícia Militar, informações preliminares apontam que a jovem teria sido espancada e abandonada no matagal. O caso será apurado pela Polícia Civil. 




Com informações Portaldecampomaior
cidades@cidaeverde.com

Escolas municipais terão simulador de tráfego para educação no trânsito

As 27 escolas da rede municipal de ensino de Campo Maior contarão com mais um instrumento no processo de ensino aprendizagem. Um simulador de tráfego será usado pelas unidades escolares para aulas de educação no trânsito, a partir do mês de agosto. 


A empresa de sinalização eletrônica Kopp fez a doação do simulador de tráfego, que será usado como uma "Escolinha de Trânsito", para ensinar os alunos da rede municipal sobre educação no trânsito. O simulador contém um kit com vários cones, placas de sinalização, semáforos e faixas de pedestres.

“Queremos começar a educação do trânsito nas escolas e daí partir para as ruas. O simulador é um importante instrumento para melhorar as estatísticas", disse o prefeito Paulo Martins, que acompanhou uma demonstração do uso do simulador de tráfego.



O gestor de projetos da empresa Kopp, Geferson Blank destaca que o uso do simulador permite orientar sobre velocidade, função dos semáforos e dfaixas de pedestre, bem como o significado das principais placas do sistema de trânsito.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Polícia apreende no PI dinheiro falso que seria levado para Fortaleza

Dois homens e uma mulher foram presos entre os municípios de Campo Maior e Jatobá do Piauí com cédulas falsas. De acordo com informações da Polícia Civil, para evitar a prisão em flagrante, o trio teria tentado subornar os policiais da Força Tática de Campo Maior com R$ 2 mil. Parte do dinheiro falso teria sido distribuído no Piauí e a outra parte no Ceará, durante o jogo entre Brasil e Colômbia.

                                           Fotos: Portalcampomaior


"Recebemos denúncia anônima e conseguimos capturar o trio na PI-230. Eles são do município de Formosa, em Goias, e contaram que estavam indo para Fortaleza, onde provavelmente repassariam este dinheiro falso"", explica o Major Jorge Neto, comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar.

O trio foi identificado como Jairo Oliveira Romualdo, Johnny Rodrigues de Paulo e Taís Soares Robalo. Foram apreendidos R$ 605 em cédulas falsas e R$ 2.141 em dinheiro verdadeiro. 


"Eram notas de 5, 10, 20 e 100 em dinheiro falso. Eles ainda tentaram subornar os policiais e foram presos, o que agrava a situação, pois além do crime de falsificação, eles responderão por estelionato", explica chefe de cartório do 1º DP, Baker Martins. 


Além do dinheiro, foram encontrados no carro mel, laranjas, uísque. O caso será investigado pela Delegada do 1º Distrito Policial de Campo Maior, Ana Luiza, que vai apurar se parte das cédulas falsas já teriam sido distribuídas no Piauí. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Homem é atingido com tiro no pé por não pagar dívida de R$ 30

Um homem identificado como Francisco da Silva Ribeiro, conhecido como Chagas, foi atingido com um tiro no pé. De acordo com a Delegada do 1º Distrito Policial de Campo Maior, Ana Luiza, informações preliminares apontam que vítima e acusado discutiram por uma dívida de R$ 30. 


O caso ocorreu na noite desta quarta-feira (02), na Vila Papi, em Campo Maior. Segundo a delegada, o acusado foi identificado e a Polícia Militar realiza diligências para capturá-lo. 

"Até o momento só temos a versão da vítima que disse à polícia que teria uma dívida relacionada ao tráfico de drogas. O acusado que teria ido cobrar o dinheiro e como ele não tinha houve a discussão e o disparo", explica a delegada Ana Luiza. 


Francisco da Silva foi levado ao Hospital Regional de Campo Maior e não teve consequências graves. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Servente de pedreiro tenta enganar a polícia e dá nome falso para não ser preso

                          Fotos: Portaldecampomaior

O servente de pedreiro Raimundo da Silva Araújo Filho, 27 anos, condenado a 11 anos de prisão em regime fechado, foi preso no município de Campo Maior, nesta terça-feira (01). O jovem é acusado de comandar uma família de traficantes e teria fugido da delegacia de José de Freitas há cerca de um ano. 

"O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Lirton Nogueira Santos no mês de maio e ontem tivemos informações de que ele estaria escondido em uma residência na cidade vizinha. Montamos campana e conseguimos capturá-lo em uma casa com mais três pessoas, inclusive, sua companheira", explica o Delegado do 17º Distrito Policial, Luciano Alcântara. 


O delegado explica ainda que o acusado não tentou fugir, mas tentou enganar a Polícia Civil se identificando com um outro nome. 

"Na verdade, na primeira vez que o suspeito foi preso ele se apresentou com o nome de Francisco, mas seu nome verdadeiro é Raimundo. Na época da prisão, ele não apresentou documento e  até o mandado saiu no nome errado. Ontem quando foi abordado, deu seu nome verdadeiro para tentar despistar a polícia, mas o agente de Polícia Civil, Gilson Ferreira, o conhecia e efetuou a prisão", explica o delegado. 


Luciano Alcântara conta que será apurado ainda se o servente de pedreiro cometeu o crime de falsidade ideológica, alterando os documentos de identificação. 

"Será apurado se ele apenas forneceu o nome errado ou mudou os documentos. Providenciaremos agora a transferência dele para a penitenciária de Esperantina", finaliza Luciano Alcântara. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Prefeitura antecipa pagamento de terço de férias para servidores da educação municipal

O Governo Municipal conseguiu antecipar o pagamento do terço de férias dos servidores da Educação. O dinheiro que os professores e funcionários administrativos das escolas da rede municipal só receberiam em agosto já estará disponível no próximo dia 11 de julho, pago com os salários de junho.  O secretário Ribamar Carvalho, o Ribinha, disse que será o depositado o pagamento referente à 30 dias.

O pagamento do terço de férias é um direito de todos os servidores efetivos da rede municipal de ensino, que é depositado uma vez por ano nas contas desses funcionários do município. “O que aconteceu é que, após fazermos um planejamento financeiro e ouvir a reivindicação da diretoria do Sindicato dos Servidores, decidimos antecipar esse pagamento”, informou o secretário José Ribamar Carvalho.

O secretário explica que geralmente o terço de férias dos servidores da educação só deveriam ser pago junto com os salários de julho, mas o secretário atendeu a diretoria do SINDISERM e já vai pagar com os vencimentos de junho. “As férias escolares desse ano foram em junho, então acho justo que o terço também seja pago junto com os salários de junho”, acrescenta.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Retomada a obra de construção de avenida e dique para evitar enchentes

A Prefeitura de Campo Maior retomou a obra de construção da Avenida Surubim e o Dique Surubim, que fica entre os Bairros São João e Flores. Nessa etapa será construída a bacia de contenção de água, mas nesse primeiro momento está sendo feito uma desobstrução no aterro para colocar manilhas para evitar futuros alagamentos em períodos chuvosos livrando os moradores que ficam nas mediações da avenida de possíveis transtornos no futuro.


O Gerente de Obras do Município Dibes Ibiapina, disse que o objetivo é fazer um canal de tubulação reforçado para que aja um escoamento fácil das águas que vinham acumulando nas proximidades das residências. “Logo após ser feito esse canal de tubulação, iremos retomar a conclusão do dique e do aterro para deixar a avenida no ponto de receber o asfalto” disse Dibes.

Com a obra da Avenida Surubim, os moradores do Bairro de Flores ficam na expectativa de receber grandes benefícios, assim como toda Campo Maior. “Flores tem sido um bairro bastante beneficiado na Administração do prefeito Paulo Martins, temos como exemplos a Praça do Everest que está sendo concluída, 60 unidades de casas populares que irão começar a serem construídas em breve, a UBA que está quase pronta para receber atendimentos, isso chama-se desenvolvimento chegando para a população” frisou Dibes Ibiapina.

A obra da Avenida Surubim é uma saída para desafogar o trânsito de Campo Maior que tem crescido muito sua frota de veículos nos últimos anos. Serão investidos mais de R$ 7 milhões que foi financiado pelo o Governo Federal em parceria com a prefeitura municipal.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Posts anteriores